www.mamboteam.com
::. Escola EB 2 e 3 Arqueólogo Mário Cardoso .::
24-Abr-2018
Inicio  
 
::. Menu Principal
::. Tempo no Distrito
::. Utilidades
Vista de Satélite
Blogosfera
Última Hora - Imprensa
Links - Úteis
Downloads
Recursos - DREN
Advertisement
AEAMC representa Guimarães (Ensino Secundário) no Projecto do Prémio da Fundação Ilídio Pinho PDF Imprimir e-mail
09-Jan-2018

Image No passado dia 16 de janeiro, o Dr. Artur da Silva Monteiro, Diretor do Agrupamento de Escolas Arqueólogo Mário Cardoso, Ponte, Guimarães, acompanhado da sua Adjunta Ana Cristina Osório Nave, estiveram presentesna 15.ª Edição do Prémio Fundação Ilídio Pinho - CIÊNCIA NA ESCOLA –este ano subordinada ao tema “A Ciência na Escola ao Serviço do Desenvolvimento e da Humanização”, que decorreu no Auditório Municipal de Gaia.

Dos seis projetos apresentados pelo agrupamento, cinco foram apurados para a 2.ª Fase do concurso, sendo que, no nível secundário, apenas este agrupamento representa 29% dos projetos selecionados do concelho de Guimarães, ao nível do 3.º ciclo e 100% dos projetos, ao nível do secundário.

Assim, enquadrando-se no âmbito da candidatura de Guimarães à distinção de Capital Verde Europeia 2020, os projetos apurados diversos projectos.

3º Ciclo: “Apágredo” - A presente ideia visa colocar em prática uma solução eficaz para o aproveitamento de águas residuais domésticas, para fins não potáveis; “Biblioteca amiga do ambiente” - Este projeto tem como finalidade a implementação de um sistema com o objetivo de tornar uma biblioteca escolar autossuficiente em energia eléctrica.

Secundário: “Humanizar a água” - Esta candidatura apresenta uma sugestão para o aproveitamento de diferentes origens da água para uso doméstico; “Microhídrica” - A corrente elétrica produzida por microturbinas pode serutilizada para fornecimento de energia nas habitações; “ Olhos no céu...”- A presente ideia visa colocar em prática uma solução rápida na prestação de auxílio a possíveis situações de risco de afogamento, para minimizar o número de mortes verificadas, principalmente pelos pescadores,colocando a ciência e a tecnologia ao serviço da defesa da vida humana e proceder a uma gestão sustentada dos recursos científicos que estão ao dispor do Homem.

Os alunos do Agrupamento irão proceder ao desenvolvimento dos projetos selecionados, almejando, naturalmente, que estes possam vir a ser premiados na Fase Final deste concurso.

Actualizado em ( 28-Jan-2018 )
 
< Artigo anterior   Artigo seguinte >
 
Topo! Topo!